02/03/2017 11:43 - Atualizado em 06/03/2017 12:44

Cafe Republica lança EP instrumental antecipando mudanças na sonoridade

Banda carioca mostra registro experimental e denso

Felipe Madureira
Guitar Talks
Cafe Republica - Foto: Carolina Munhoz

“Interlúcido” é o mais novo EP da banda carioca Cafe Republica. Totalmente experimental, o trabalho é fruto de improvisações em estúdio e apresenta uma nova sonoridade para o quinteto. Há um conceito por trás do disco que, segundo os músicos, é uma conexão entre o presente e o que vislumbram como futuro, que não será instrumental.

As cinco primeiras músicas foram pensadas para trazer um instrumento em evidência por vez, dando destaque para a banda em todos os seus detalhes. Na última faixa, a mais próxima da sonoridade que eles buscaram nos dois EPs anteriores, a Cafe Republica aparece inteira em destaque. O compacto caminha entre o progressivo, o ambiente, o experimental e o noise como se fosse um grande estudo técnico do que os músicos conseguem fazer em estúdio.

O Cafe Republica foi formado em 2011 e tem entre seus integrantes Octavio Peral (voz e guitarra), Anderson Ferreira (teclado e sintetizador), Ygor Big (guitarra), Carlos Juca Sodré (contrabaixo) e Barbanjo Reis (bateria). 

A banda tem 3 EPs lançados e está focada no lançamento de um disco cheio em 2017. “Interlúcido” foi gravado no Estúdio Camelo Azul e produzido pela banda, que assina também a mixagem com Barbanjo Reis. A  masterização é de Sérgio Carvalho. A fotografia da capa tem os dedos de Anderson Ferreira. A arte do material é do próprio grupo.

Ouça Interlúcido:

Confira a capa do EP em detalhes:

A foto é de Anderson Ferreira e a arte da própria banda

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE

RELACIONADAS

FACEBOOK